Posts tagged ‘2009’

Nova edição do Guia do Ócio tem lançamento na Saraiva

Guia do Ócio 2009

A nova edição do Guia do Ócio, publicação anual que reúne informações culturais, de gastronomia, lazer e serviços da cidade de Salvador, terá lançamento no próximo sábado, dia 11 de julho, às 18h, na recém inaugurada Livraria Saraiva do Shopping Barra. A publicação cobre a cidade com 16 seções, 242 páginas, dando ênfase especial aos roteiros turísticos menos convencionais, destacando desde restaurantes populares a eventos de bairros e outras atrações originais e curiosas.

Entre as novidades da nova edição está a presença de personalidades baianas e nacionais dando dicas sobre o que ver e fazer em Salvador. Nomes como Wagner Moura, Margareth Menezes, Luiz Fernando Guimarães, Frank Menezes, Vovô do Ilê, José Carlos Capinan, Jorge Portugal, Gerônimo, Eliana Kruschewsky e Luciana Galeão, entre outros, indicam botecos, restaurantes, museus, atrações turísticas e outros pontos interessantes da cidade.

O Guia do Ócio é um produto da Companhia de Comunicação e tem coordenação editorial de José Antônio Moreno, design gráfico da Santo Design e participação de cerca de 20 jornalistas e colaboradores. A publicação pode ser encontrada ao preço de R$19,90 em livrarias, bancas de revistas, lojas de conveniências e principais hotéis da capital baiana.

Data: 11 – 07 – 2009

Horário: 18h

Local: Livraria Saraiva do Shopping Barra (Ex-Siciliano) – 2° piso

Assessoria de Imprensa
Companhia de Comunicação
Tels: 3247-5851/88921119 (Antônio Moreno)
Ssa. 06.07.2009

julho 8, 2009 at 1:52 pm Deixe um comentário

O futebol e a telenovela

futebol-versus-novela1

por Jéssica Néri

É verdade, às vezes futebol parece até novela! Eu, como boa apreciadora dessas duas modalidades artísticas, bem sei disso. Na tarde do último domingo (03/05) parei tudo para ver o maior número possível de finais de campeonato estadual que a televisão aberta me permitia acompanhar. Ao todo foram três: os campeonatos paulista, baiano e carioca.

O enredo do paulista não foi dos mais dramáticos. Já no primeiro jogo da final entre Corinthians e Santos o 3 x 1 do timão delineou as diretrizes das personagens principais. Como já se esperava, sagrou-se vitorioso o Corinthians, Ronaldo foi eleito como “melhor superação do ano de 2009” e Mano Menezes repetiu o feito de bom técnico. Enfim, todos os estereótipos se confirmaram, a mocinha ficou com o mocinho sem maiores esforços, e teve até alguma emoção mais apimentada, quando a taça pegou fogo e quase queimou a festa do capitão corintiano. Mas no final, entre mortos, feridos e santistas, salvou-se o Corinthians!

Já os campeonatos baiano e carioca fizeram as vezes de novela mexicana. O Bahia entrou em campo em desvantagem, precisando ganhar do Vitória por dois gols de diferença, e o conseguiu legitimamente. A torcida foi ao delírio com o prodígio conseguido bem na casa do adversário. Enredo de saga! Mas aí o Vitória reagiu e marcou o primeiro. Tudo bem, leva pros pênaltis e vamos tornar essa novela ainda mais mexicana, ao melhor estilo Thalia: com a moça pobre que luta, fica anêmica, quase morre, mas fica com o galã rico no final (tudo isso depois de ser chamada de ladra por mais vezes que os políticos que habitam Brasília, é claro). É, só que a mocinha pobre em questão, ou melhor, o time do Bahia, se perdeu no bosque, cochilou no caminho achando que era uma lebre faceira em vantagem na corrida, e deixou que o adversário matasse o jogo aos 44 do segundo tempo! Nem Glória Perez e Manoel Carlos juntos seriam capazes de torturar o público desta forma.

Mas para acalmar o coração dos sofredores do Bahia, a final do carioca foi ainda mais sofrido! Ontem o bi-vice Botafogo entrou em campo contra o bi-campão Flamengo para ver de desencantava e levava o título do estadual. Resultado do primeiro jogo: 2 x 2. Ou seja: na última semana da novela não havia mocinhos nem bandidos, todos ainda tinham chance de se dar bem, tava todo mundo igual. É, só que já na primeira metade do capítulo, o Flamengo tirou logo dois gols da cartola e ficou com as mãos na taça. Pra piorar a situação, o Botafogo ainda vai e desperdiça um pênalti no início do segundo tempo, praticamente selando o destino do campeonato. Mas esperem, ainda havia luz no final desse túnel! Ao melhor estilo mocinha esfolada que reúne as últimas forças para desmascarar a vilã na última cena e ficar com o mocinho, o Botafogo empatou o jogo. Mais uma vez, 2 x 2. O negócio tava ficando quase cabalístico. Vamos aos pênaltis! E aí a profecia do pênalti perdido pelo Botafogo no início do segundo tempo se repete: “quem já pereceu pelo pênalti, perecerá sempre”. Flamengo campeão! Ou melhor: tri-campeão! E o Botafogo, a estrela solitária, contentou-se com seu tri-vice.

Enquanto isso, no horário nobre das novelas, Maya (personagem de Juliana Paes) fica brincando de troca-troca de bebês em Caminho das Índias, sem saber se fica com o mocinho bonito com o outro mocinho mais bonito ainda.  Mas comparada à tensão dessas finais dos estaduais, isso aí é brincadeira de criança. O futebol é muito mais novela que isso!

maio 4, 2009 at 7:11 pm 1 comentário

9ª Bienal do Livro – Bahia – 2009

bienal-do-livro-8

Se as ofertas e preços da 9ª Bienal do Livro –  Bahia – 2009 não estavam atraentes, os poetas da praça do Cordel e da Poesia fizeram um show e tanto na noite de sexta-feira. Declamações vicerais faziam referências a Augusto dos Anjos, Castro Alves, entre outros mestres da palavra.

Casais, crianças, jovens, velhos… todos que por ali passavam, admiravam, entre versos tecidos com paixão, o vigor da literatura popular brasileira.

Segue, abaixo, alguns vídeos realizados na 9ª Bienal do Livro da Bahia:

Abutres


Brasilivre


Poesia de Augusto dos Anjos

Por Marcel Ayres

abril 19, 2009 at 12:30 am 8 comentários


Posts recentes

Arquivos

Visitas

  • 72,282 hits

Flickr - Marcel Ayres

Twittando

qrcode
BlogsBA